Contrastes Rio de Janeiro e Porto de Galinhas

Um dos contrastes mais impactantes foi os lanches tipo x-tudo e cachorro quente são bem diferentes do que comemos no Rio, não que seja ruim, não é, afinal um lance desse tipo não tem como ser ruim. Porém existem diferenças como por exemplo, comi x-bacon lá algumas vezes e vem apenas, pão, hambúrguer, bacon e queijo, e aqui no rio, vem pão, hambúrguer, bacon, queijo, batata palha, milho, ervilha, azeitona, ovo de codorna e salada (ainda posso está esquecendo de alguma coisa) e o que me chamou atenção e que lá mesmo não tendo tanto recheio custa de R$10,00 pra mais, enquanto aqui a gente paga no máximo R$10,00, mesmo quando entramos em app pra pedir delivery. E o cachorro quente a maior diferença que notei é na montagem, eles colocam carne moída, purê, o que não é comum aqui, e que pelo menos onde compramos o pão usado não era o pão de cachorro quente e sim o pão francês. Os sucos naturais foi outra coisa que pude notar uma diferença enorme, aqui no Rio o suco natural não é encontrado em todos os lugares se encontra mais refrescos, e quando tem suco natural os preços são bem altos coisa de R$8,00 a R$12,00 reais o copo, um copo de 250 ml, enquanto em Porto de Galinhas a gente pagava de R$4,00 a R$6,00 copo de 400 ml, sem falar no sabor que o de Porto é muito mais concentrado consequentemente mais saboroso.

Uma outra diferença interessante que notei foi no valor de biquínis e roupas de praia, os modelos eram todos muito bonitos, se encontra com muita facilidade roupas com proteção UV, e por preços muito bons. O conjunto de biquíni ficava em torno de R$30,00 a R$60,00, quanto aqui a gente paga por peça esses valores. E as roupas com proteção UV ficavam na faixa de R$60,00, aqui a gente encontra em lojas mais caras e nem é tão fácil achar e lá é bem comum e acessível.

As outras diferenças são as diferenças comuns notadas ao sair de uma cidade grande, movimentada, e perigosa como o Rio, para um outra pequena, e tranquila. Mas isso é fácil de se imaginar ao falar de cidades com proporções tão diferentes. Por tanto o que posso recomendar é que quando virem ao Rio, compre o famoso podrão (podrão= lanche de rua no Rio), e ao irem para Pernambuco, tomem muito suco natural e compre roupas de praia porque valem muito apena!

Espero que esse post tenha sido útil!


Deixe uma resposta